Whatsapp (21) 3836-1905 / 3190-9300
A Gasotec entende a importância do seu papel em zelar pela segurança dos condôminos e as responsabilidades que isso representa.
Cabe ao síndico administrar as instalações de gás e realizar a manutenção preventiva periodicamente.
Através deste canal de comunicação, receberemos as demandas do condomínio e manteremos contato direto para facilitar o seu dia a dia.
Estamos focados no controle de qualidade de nossos serviços para manter o nível de satisfação e estabelecer uma parceria permanente.

Como deve estar o quadro de PI do Condomínio

O Ponto de Inicialização (PI) é um local que se destina, única e exclusivamente, a instalação de medidores, reguladores, rede de distribuição interna (conjunto de tubos e conexões que visam à condução do fluxo de gás) e dispositivos de segurança. Em seu interior não podem existir qualquer outro tipo de instalação e o mesmo não pode ser utilizado como depósito de materiais (entulho, extintores de incêndio, sobra de materiais, etc).

Todo e qualquer dispositivo elétrico no interior do PI deve ser à prova de explosão e possuir o selo do Inmetro como certificação, além disso, todo e qualquer condutor elétrico deverá ser embutido, evitando, assim, a possível produção de centelha. O resultado da inspeção do PI de Gás implicará nas vistorias de todas as unidades do Condomínio. Por isso, é fundamental que ele esteja adequado dentro dos padrões e normas técnicas vigentes.

Durante o processo de inspeção no PI serão verificados os seguintes itens:

Condições das tubulações

É necessário que estejam íntegras, sem amassados, oxidações, etc. Se houver suporte, será necessário isolamento entre a tubulação e o suporte.

Ventilação permanente

A ventilação não pode ser inferior a 1/10 da área de planta do PI.

Condições de acesso ao abrigo

O acesso ao PI deve estar totalmente desobstruído, ou seja, não pode ter nada que impeça a entrada. Por isso, será checada a ausência de entulho e/ou outros materiais no interior do abrigo.

Conexões deverão estar estanques

Não pode haver vazamentos.

Integridade dos equipamentos, luminárias, interruptores e tomadas

Qualquer equipamento dessa natureza precisa ser protegido com blindagem e a prova de explosão;

listagem completa dos Itens que serão vistoriados

Certificado de Inspeção / Autovistoria

Após a verificação de todos os itens, a empresa responsável pela inspeção, emitirá um documento atestando o estado de segurança da rede interna de distribuição dos ambientes e dos aparelhos a gás, o certificado de inspeção e incluirá o resultado da inspeção no portal da Naturgy.

Laudos possíveis na vistoria

Porque é importante o Síndico realizar a vistoria em todas as unidades do Condomínio?

A Lei 6.890 de 18 de setembro de 2014 institui a obrigatoriedade da autovistoria de segurança nas instalações de gás das unidades residenciais e comerciais do Estado do Rio de Janeiro e tem como principal objetivo a prevenção de acidentes. Não se trata somente de uma obrigatoriedade com caráter mandatário, quando falamos de gás, tratamos de SEGURANÇA também.

Embora as instalações de gás sejam individualizadas, elas passam por áreas coletivas, colocando em RISCO todas as outras unidades, sendo assim, não adianta algumas unidades aderirem às vistorias em suas instalações, se outras unidades não fizerem o mesmo.

SOLICITE AQUI UMA PROPOSTA

Por medida de economia e de segurança muitos condomínios estão optando por intermediar esta questão.

Para facilitar que o Condomínio realize a vistoria de todas as unidades no mesmo período a Gasotec oferece condições especiais, pois o pagamento global tem custo mais acessível em função de logística.

A Gasotec Criou um de atendimento exclusivo para síndicos, que dará feed back do trabalho realizado através de relatórios gerenciais e atendimento diferenciado.

Canal de atendimento direcionado aos Síndicos

(21) 3836-1905 / 3190-9300
condominio@gasotec.com.br